Rompimento de duto da Barragem Jati leva a decretação de estado de calamidade pública na cidade

O vazamento verificado na última sexta, 21, exigiu a remoção de 2 mil pessoas das proximidades da barragem, agora o Governo sinaliza decretação de calamidade




A última sexta, 21, foi marcada pelo rompimento de um dos dutos que leva as águas da Transposição do Rio São Francisco para o Município de Jati, no interior do estado do Ceará. O vazamento que gerou forte apreensão nos moradores foi controlado ainda naquela madrugada, e os reparos necessários já estão sendo realizados.

No entanto, o Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR) informou que está editando uma portaria afim de reconhecer estado de calamidade pública na cidade de Jati. Quando efetivado o decreto, ele tem por objetivo facilitar o empenho de recursos financeiros para ações necessárias à região atingida.

O anuncio da medida foi feito por Rogério Marinho, titular do MDR, ainda no dia de ontem, 22. O ministro esteve na Barragem Jati, junto de uma série de outras autoridades, para verificar os danos causados. O governador, Camilo Santana, também vistoriou o local e visitou alguns dos espaços que estão recebendo as pessoas deslocadas, pois cerca de 2 mil habitantes das proximidades da barragem foram removidos do entorno.

Lembra-se que o ocorrido não deixou nenhum ferido e não se verificou, até o momento, danos estruturais a barragem. Ao que tudo indica, as ações tem cunho preventivo. Os laudos finais, que buscarão identificar as causas do rompimento ainda estão sendo elaborados, assim como observações mais profundas na parede que compõe a Barragem Jati.

Quando questionado sobre os possíveis promotores do acidente, Rogério Marinho, limitou-se a dizer que estava relacionado ao vazamento de um duto, não sendo capaz de dar maiores esclarecimentos.  

Carregar mais Posts Relacionados
Carregar Mais Por Paulo Junior
Carregar Mais Em Notícias

Sobre Paulo Junior

Graduando em jornalismo pela UFCA e um apaixonado por política, literatura e cinema

Últimas

Assine nossa newsletter e receba nossas novidades por email

Mantemos os seus dados privados e os compartilhamos apenas com terceiros que tornam este serviço possível. Leia nossa política de privacidade.

Instagram

Instagram has returned invalid data.

Siga-nos!