Projeto de distribuição de absorventes para estudantes cearenses é aprovado na Assembleia Legislativa e segue para sanção do governador

A política vai beneficiar mais de 105 mil estudantes só nas escolas da rede estadual.




Notícias, Saúde

Mais de 115 mil estudantes de escolas e universidades públicas estaduais receberão absorventes íntimos distribuídos pelo Governo do Ceará. A Assembleia Legislativa aprovou, nesta quinta-feira (15), o Projeto de Lei, encaminhado pelo Executivo Estadual, que institui a Política de Atenção à Higiene Íntima de Estudantes. A medida segue para sanção do governador Camilo Santana.

“São inúmeros os estudos que comprovam o impacto da falta de acesso a absorventes na escolarização de estudantes em idade menstrual. Ao garantir que cada jovem, seja da escola ou da universidade, receba este item básico de higiene, esta política reafirma o nosso compromisso de combater as desigualdades sociais e promover uma educação acolhedora e inclusiva”, destacou o governador Camilo Santana quando do envio da mensagem ao Legislativo.

Em 2014, a Organização das Nações Unidas (ONU) reconheceu o direito à higiene menstrual como uma questão de direito humano e saúde pública. De acordo com a ONU, a pobreza menstrual, ou seja, a falta de acesso a produtos de higiene durante o período menstrual, evidencia diversos problemas sociais e de saúde, sendo um desafio vivenciado mensalmente por 12% da população do planeta.

A política vai beneficiar mais de 105 mil estudantes só nas escolas da rede estadual. Além da aquisição e distribuição de produtos, serão desenvolvidas nas unidades de ensino ações de conscientização sobre a adequada higiene menstrual e atenção à saúde íntima.

“A pobreza menstrual ainda é uma das razões para o abandono escolar e a infrequência. Esta política é mais uma grande ação inovadora do Governo do Ceará que será abraçada por toda a nossa rede de ensino. Além de trazer mais dignidade para jovens em situação de vulnerabilidade, garante a permanência e amplia o vínculo escolar, o que sem dúvida é fundamental para avançarmos cada vez mais na aprendizagem”, ressalta a secretária da Educação, Eliana Estrela.

Últimas

Assine nossa newsletter e receba nossas novidades por email

Mantemos os seus dados privados e os compartilhamos apenas com terceiros que tornam este serviço possível. Leia nossa política de privacidade.