Interno de penitenciária em Juazeiro do Norte se forma em gestão comercial

Colação de grau de Kayo Hamon, de 31 anos, contou com a participação de representantes da universidade.




Educação, Notícias

Um interno da Penitenciária Industrial do Cariri, em Juazeiro do Norte, no Ceará, conseguiu o diploma de ensino superior em gestão comercial. Após dois anos de estudos, ele concluiu o curso e se tornou o primeiro preso da atual direção da Secretaria da Administração Penitenciária (SAP) a se formar em um curso a distância durante cumprimento de pena no regime fechado.

“Meu principal objetivo é sair daqui como cidadão e dar um futuro digno a minha família. Que meu exemplo sirva de espelho para meus colegas, por que apesar dos nossos erros, com esforço e dedicação podemos nos reerguer e mudar de vida”, disse Kayo Hamon, de 31 anos durante a cerimônia de colação de grau que contou com a participação de representantes da universidade.

Com a aprovação no Sistema de Seleção Unificada (Sisu), ele garantiu vaga na universidade através da nota obtida no Exame Nacional do Ensino Médio para Pessoas Privadas de Liberdade (Enem PPL).

Além dele, atualmente 12 alunos também fazem cursos de nível superior à distância. As aulas são de segunda a sexta, três horas por dia, em uma sala da unidade. Os módulos são virtuais e monitorados pelo setor de educação.

O coordenador de educação da SAP, Rodrigo Moraes, lembra que este resultado é fruto do trabalho focado na escolarização devido à garantia da segurança, logística e disciplina nas unidades prisionais.

“A SAP celebra a conquista desse interno por que ele poderá retornar ao convívio social, com seus estudos concluídos, com uma capacitação profissional que ele recebeu dentro do sistema prisional e agora com uma graduação. A Secretaria não mede esforços para garantir, não só para ele, mas para todos os internos que buscam reescrever suas histórias de vida”, disse.

Fonte: G1 Ceará

Últimas

Assine nossa newsletter e receba nossas novidades por email

Mantemos os seus dados privados e os compartilhamos apenas com terceiros que tornam este serviço possível. Leia nossa política de privacidade.