Governo volta atrás e não vai antecipar 2ª parcela do auxílio emergencial

A nova data do pagamento não foi informada.




Agência Brasil

Nesta quarta-feira, 22, o Ministério da Cidadania informou em nota que não poderá antecipar para esta quinta-feira, 23, o pagamento da segunda parcela do auxílio emergencial.

O pagamento da segunda parcela estava previsto para começar a partir do dia 27. Na segunda-feira, 20, a Caixa Econômica Federal divulgou que a segunda parcela seria antecipada e os pagamentos começariam na quinta.

De acordo com a nota do Ministério, o governo vai antes solicitar crédito suplementar para poder completar o atendimento a todos beneficiários.

“Cabe registrar que o recurso disponível para cada uma das três parcelas é de R$ 32,7 bilhões, já foram transferidos R$ 31,3 bilhões, e ainda serão avaliados cerca de 12 milhões de cadastros para a primeira parcela”, afirmou a nota.

“Por fatores legais e orçamentários, pelo alto número de requerentes que ainda estão em análise, estamos impedidos legalmente de fazer a antecipação da segunda parcela do auxílio-emergencial”, informou o governo federal.

O Ministério ainda não divulgou a nova data para o pagamento. De acordo com a pasta, foi pedido ao Ministério da Economia que faça a “previsão para uma suplementação orçamentaria o mais rápido possível”.

Carregar mais Posts Relacionados
Carregar Mais Por Rayssa Leonel
Carregar Mais Em Economia

Sobre Rayssa Leonel

Graduada em Jornalismo pela UFCA - Universidade Federal do Cariri. Pesquisadora e caririense bem orgulhosa.

Últimas

Assine nossa newsletter e receba nossas novidades por email

Mantemos os seus dados privados e os compartilhamos apenas com terceiros que tornam este serviço possível. Leia nossa política de privacidade.

Instagram

Instagram has returned invalid data.

Siga-nos!