Falta de acessibilidade em lives do Crato

Associação repudia a falta de Intérpretes de Libras nas transmissões realizadas pelo prefeito, vice-prefeito e secretaria de saúde.

A Associação Cratense de Defesa da Pessoa Surda – ACDPS se manifestou na tarde de hoje contra a falta de acessibilidade nas transmissões online, lives, exibidas pela prefeitura municipal do Crato e ações oficiais.

Na nota publicada pelas redes sociais da associação, manifesta-se o repúdio em decorrência da falta de Intérpretes de Libras nas transmissões realizadas pelo prefeito, vice-prefeito e secretaria de saúde.

O decreto Nº 5.626, de 22 de dezembro de 2005, diz que Art. 26. O Poder Público, as empresas concessionárias de serviços públicos e os órgãos da administração pública federal, direta e indireta, deverão garantir às pessoas surdas ou com deficiência auditiva o seu efetivo e amplo atendimento, por meio do uso e da difusão da Libras e da tradução e da interpretação de Libras – Língua Portuguesa.

Os associados utilizaram os dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística – IBGE, que no seu último censo, estimou que a cidade de Crato possui no total 7.152 pessoas com alguma deficiência auditiva, sendo estes usuários ou não da Língua Brasileira de Sinais – LIBRAS, assim sendo fica constatado que existe uma grande parte da população que se encontra desassistida pelos gestores públicos da cidade.

A imagem pode conter: texto
Carregar mais Posts Relacionados
Carregar Mais Por Erika Souza
Carregar Mais Em Notícias

Sobre Erika Souza

A menina louca. Deixo essa definição, pois meu entusiasmo pode parecer loucura. Atuo com comunicação, eventos e desenvolvimento pessoal. Com o convívio a gente se conhece mais.

Últimas

Assine nossa newsletter e receba nossas novidades por email

Mantemos os seus dados privados e os compartilhamos apenas com terceiros que tornam este serviço possível. Leia nossa política de privacidade.

Instagram

Instagram has returned invalid data.

Siga-nos!