Consórcio de organizações criará Rádio Cafundó em Crato

A programação da rádio será voltada para a promoção dos Direitos Humanos, a democratização estética e artística e fortalecimento das lutas e da memória dos movimentos sociais




Notícias, Regional

Por meio de uma iniciativa do Coletivo Ensaio Aberto de Break Dance, através de edital da Lei Aldir Blanc, da Secretaria de Cultura do Estado do Ceará, junto a outras organizações, a rádio Cafundó será criada na cidade do Crato.

A rádio, que funcionará a partir de plataforma virtual e rádio de poste será instalada na comunidade do Mutirão, no Postim Cultural, local onde funcionou um Posto Policial.  O espaço é coordenado pela Associação Mensageiras da Paz.

Além do financiamento do Coletivo Oficina Ensaio Aberto Break Dance, a rádio Cafundó recebe também subsídio de equipamentos e serviços do Coletivo Camaradas, Mensageiras da Paz, Pontes Criatividades e a Produtora Escola EnCine.

A parte técnica e visual da rádio está sendo desenvolvida pelo profissional de  Marketing Diego Moreira, que está trabalhando no design, na produção de um site e no streaming. A rádio será coordenada pelo produtor cultural e ativista, Ricardo Alves, integrante do Coletivo Ensaio Aberto e o historiador Francisco Nascimento, da Associação Mensageiras da Paz. 

A programação da rádio será voltada para a promoção dos Direitos Humanos, a democratização estética e artística e fortalecimento das lutas e da memória dos movimentos sociais. A rede nacional Brasil de Fato também estará compondo a programação.    

Os organizadores buscam também estabelecer parcerias com o curso de Jornalismo da Universidade Federal do Cariri – UFCA, coletivos, pesquisadores e profissionais da comunicação.

Sobre Beatriz Morais

Beatriz Morais, formada em jornalismo pela Universidade Federal do Cariri-UFCA, é mãe de gatos, cratense e apaixonada por leitura e música boa.

Últimas

Assine nossa newsletter e receba nossas novidades por email

Mantemos os seus dados privados e os compartilhamos apenas com terceiros que tornam este serviço possível. Leia nossa política de privacidade.